Tem Estilo, Tem Ética!

Qual o seu conceito de moda?

Vestir um casaco do pele? Usar botas de couro? Seda?

Moda, hoje em dia , é ser ecológico, é estar de bem com meio ambiente, é ser livre de crueldade. Muitas pessoas ainda não sabem o que é moda vegana , ou simplesmente moda livre de crueldade. Infelizmente, ainda não é tão acessível assim os produtos, a maioria dos produtos são importados, as griffes também são americacanas, porem os preços, hoje em dia, estão mais baixos, e algumas marcas entregam para o mundo todo. As marcas que eu pesquisei são todas internacionais.

Quem já ouviu falar de Stella McCartney?

Ela é uma das primeiras, e mais famosa estilista vegana, tem uma coleção que ela desenhou para adidas, bolsas, roupas, sapatos, tem TUDO, e entrega para qualquer lugar. Mas os preços não são nada baratos. Porem agora o site está com um super desconto 60%off.

 

Stella McCartney

Outra marca vegana é a OlsenHaus Pure Vegan, comandada pela estilista Elisabeth. Essa marca já é um pouco mais acessível, e entrega para o mundo todo, os calçados são bem coloridos e muito estilosos, para nenhum fashionista botar defeito. Na figura abaixo temos um modelo lindo da griffe OlsenHaus. E no site tem muito mais. (https://www.olsenhaus.com)

 

OlsenHaus Fall’10

Encontrei uma terceira marca vegana, é do exterior também, mas que nunca ouvi falar antes, a Beyond Skin, os sapatos são mais minimalistas, com poucos detalhes, mas não deixam de ser lindos e estilosos, e os preços são mais baratos, entregam para todos os países e inclusive já tem as formas de pagamento no próprio site.  E tudo com 50% off.

Beyond Skin

No site ANDA, encontrei uma matéria bem legal, falando que veganismo, vai muito alem da comida. E de fato é verdade pois, como expliquei nas linhas acima veganismo é moda também comportamento e beleza.  Vale a pena dar uma conferida nessa matéria. Na integra, nesse link:  http://www.anda.jor.br/?p=34048

Falei apenas de três griffes veganas,talvez as mais conhecidas, mas existem muitas outras e que são bem legais, bem urbanas e com estilo, mas que infelizmente não entregam para outros países, então resolvi não coloca-las nesse post pois, o que de fato nos interessa é saber quais estão acessíveis de verdade, não só pelo preço e sim pelo fato da entrega em outros países.

                                                                     Tem estilo, tem ética!

ANDA:

http://www.anda.jor.br/?p=34048

http://www.anda.jor.br/?p=18146                       

Beyond Skin:

http://www.beyondskin.co.uk/

Stella McCartney:

http://twitter.com/StellaMcCartney

http://www.stellamccartney.com/

Olsen Haus:

https://www.olsenhaus.com/

Bebidas Alcoolicas Veganas e Vegetarianas

Quem disse que os Veganos e Vegetarianos não podem beber vinhos ou até mesmo outras bebidas alcoólicas?

Geralmente no processo de fabricação de vinhos é comum o uso de gelatina, albumina ou caseína, e são retirados após o processo de clarificação do vinho, não sobrando vestígios desses componentes no produto final. Por isso resolvi pesquisar quais os produtores e adegas não fazem uso de ingredientes de origem animal em nenhum processo de fabricação do vinho e de outra bebibas alcoólicas.

Vinhos:

A seguintes marcas não fazem testes em animais e nem uso de nada que seja de origem animal :

Vinicola Perini

Vinicola Boutique Lidio Carraro

Adega Chesini

Vinhos Lerentis

Vinicola Miolo

Marco Luigi Vinhos Finos

Citei as principais e mais conhecidas, mas se você quer saber de alguma empresa entre em contato com o sac.

Quanto a outras bebidas, a cerveja, por exemplo, são clarificadas com uma espécie de cola de peixe. Essa cola se obtém a partir das bexigas de alguns peixes de água doce. No entanto algumas cervejas já são freqüentemente filtradas sem o uso de qualquer substancia animal.

Principais Cervejas Veganas:

Heineken
Budweiser

Imperial
Golden Beer

Agora podemos consumir com consciencia, ja que temos alternativas corretas.

E lembre-se se beber não dirija!

Qualquer duvida deixe seu comentario ou entre em contato pelo e-mail: curiosidadesveg@bol.com.br

Se você quer saber de alguma marca que não citei no texto, mande um e-mail no endereço acima  com o nome da marca que eu entrarei em contato com o sac!

Bom feriado a todos! ;)

Fonte:
http://www.centrovegetariano.org/Article-246-Bebidas%2Balco%25F3licas%2Bveganas.html

http://coisinhasveganas.blogspot.com/search?updated-max=2008-09-16T15%3A28%3A00-07%3A00&max-results=10

http://www.guiavegano.com.br/vegan/forum/vegetarianismo-x-nutricao/vinho-e-vegano

You Crazy Vegan!

YOU CRAZY VEGAN!

Entre essas minhas andanças em busca de novas informações, encontrei pelo twitter um site / blog bem legal, cujo titulo do texto que mais me chamou a atenção é: YOU CRAZY VEGANS, no português, em tradução livre quer dizer: VOCÊS VEGANS LOUCOS, pelo titulo do texto já da para se ter uma idéia do que vamos falar a seguir:

Psicologicamente, uma das maneiras que as pessoas tem de lidar com informações que geram conflitos internos (ou dissonância cognitiva) é descarta-la como se fossem anormais, ou até mesmo perigosa. Isso ajuda a explicar o porquê muitos vegans tem a experiência de serem tratados como marginais, diferentes, pela família, amigos e principalmente pela sociedade.

Qualquer tentativa de questionar esta ideologia e viver uma vida sem escravizar e matar os animais para nosso próprio benefício é visto como anormal, às vezes até mesmo “louco”. As pessoas que não são vegetarianas, muitas vezes até mesmo na tentativa de proteger suas crenças e tradições e tratar de patologizar ou frustar aqueles que não seguem os padrões, como acontece com os psicólogos que assumem que a recusa de uma jovem para comer carne é um sintoma de transtorno alimentes, ou médicos que alertam para os perigos da dieta livre de carne, apesar das evidencias idicarem o contrario, segundo Joy.

Na  tentativa de ser vegan, meu pai estava convencido de que era apenas uma crise psicológica. Ele me disse: “Geralmente, quando as pessoas ficam preocupadas com esse tipo de coisa, é um sinal de que algo esta errado em suas vidas”.  É uma linha comum de autodefesa psicológica, no entanto: “não pode haver nada de errado com a maneira como faço as coisas … então deve haver algo errado com você”

Mas a verdade é que abraçar o veganismo é um sinal de que temos aprendido a pensar além dos limites egoístas dos nossos próprios desejos e realmente dar importancia para os outros animais, pessoas e a terra. É um sinal de que já não estamos mais dispostos a continuar pagando pessoas para torturar, escravizar e matar outros animais simplesmente para nossa satisfação e prazer.

Eu sei. Bonito hein, maluco?

O texto é interessante pois, mostra de forma descontraída, como os vegans são visto pela sociedade e até pela própria famila, que julgam ser anormal esse habito de NÃO comer carne.

O texto na integra e em inglês você pode encontrar no blog: http://www.thisveganlife.org/

Receita Facil!

Já sabe o que vai almoçar? Ainda não?

Então ai vai a dica…. Arroz Campestre.

Super prático e fácil de fazer!

Bom Apetite!

Arroz Campestre

1 tomate picado em cubinhos sem as sementes
1/2 xic. de pimentão verde em cubos
1/2 xic. de pimentão vermelho em cubos
1 cenoura média picada em cubinhos
1 espiga de milho picada
1 cebola média picada
1 col. de sobremesa de óleo
2 xícaras de arroz
sal a gosto
1 col. sopa de salsa e cebolinha picadas

Refogue no óleo a cebola, adicione a o milho, e refogue bem; acrescente a cenoura, o tomate, e os pimentões. Junte o arroz, e refogue. Acrescente 4 xícaras de água fervente e cozinhe em fogo baixo,uns 20 minutos, adicionando água sempre que necessário.
Retire do fogo e acrescente a salsa e a cebolinha

Fonte:

http://receitasvegans.blogspot.com/2007/08/arroz-campestre.html

Quebrando a Tradição

Quebrando a Tradição

Nosso histórico com a carne começa lá na pré história, há milhares de anos, quando os primórdios da nossa espécie começaram a caçar para sobreviverem.

Com o passar dos tempos a técnica primitiva de caça, foi ganhando “modernidade”, começou então a criação de gado para corte, uma tentativa de domesticação do gado, para que ele seja criado com mais “qualidade” e depois seja abatido.

A carne assada era uma refeição mais pratica de ser preparada quando se estava longe de casa, pois bastava ter uma faca bem  amolada, sal grosso, um pedaço de madeira e fogo.

Essa é a nossa tradição, comer carne, uma espécie de culto a carne a meu ver, pois muitas pessoas valorizam demais os prazeres da carne.

Quando você resolve se abster desse consumo, você deixa de lado uma “tradição” que acompanha a evolução histórica da nossa espécie, portanto você se torne VEGETARIANO,  ou VEGANO.

Agora você me pergunta, aonde estou querendo chegar com toda esta história de churrasco, deixar de comer carne e etc…?

Quero quebrar a tradição do churrasco com carnes gordas, e com crueldade, apresentando-lhes o churrasco LIVRE DE CRUELDADE.

É estranho falar de churrasco e pensar em vegetais.  E as opções são variadas, para todos os gostos, não pense que o churrasco vegetariano / vegano é só alface.

No site vida vegetariana, tem varias dicas, opções e como preparar, e além do mais é muito mais pratico um churrasco com vegetais, além de você não matar ninguém para te servir de comida, é muito mais pratico que o churrasco comum.

Vida Vegetariana:

http://www.vidavegetariana.com/site/especiais.php?page=especiais/churrasco/index

Colabore!!!!!

Colabore com esse Abaixo – assinado:

http://www.cao.com.br/00.asp

A sua assinatura fará toda a diferença. E não se esqueça, passe a diante.

Twitter do Blog:

@curiosidadesveg

Tem duvida em alguma coisa? Gostaria de ver a sua receita publicada aqui? Quer saber mais sobre algum assunto? Quer mais receitas?

Mande um e-mail para curiosidadesveg@bol.com.br

O Outro Lado da Beleza

Você ja parou para pensar que os cosmeticos que você usa podem estar prejudicando outras vidas? E quanto aos remedios, você sabia que eles também são testados em animais?

A industria da beleza esconde muita coisa por tras de seus cremes rejuvenecedores,  esconde um lado terrivel, o mesmo se repete com a industria farmaceutica, antes dos remedios chegarem até você, consumidor, eles são testados em animais. Geralmente são usados coelhos, ratos, macacos, cães para os testes.

No site do PEA encontrei um texto bem completo e muito interessante pois, aborda de forma clara e direta o que realmente é o teste feito em animais, inclusive traz os tipos mais comuns de testes, os efeitos do mesmo.

Esta materia tráz também os avanços medico – cientificos sem a experimentação em animais. Quais as alternativas para que essa pratica monstruosa tenha fim? Tudo isso muito mais no site do PEA:

http://www.pea.org.br/crueldade/testes/

Twitter do PEA:

http://twitter.com/peabrasil

Twitter do blog:

@curiosidadesveg

Tudo sobre #veganismo e #vegetarianismo em 140 caracteres!

Bom dia!

Receita para o Almoço de Segunda-Feira

Como prometido, voltei aqui com uma receita facil, pratica e rapidinha de fazer: Espaguete ao Alho e Óleo. Vegan, é claro.

Segue a Receita, e mãos a obra.

Espaguete ao Alho e Óleo (vegana)

Ingredientes

100 g de espaguete grano duro
2 colheres (sopa) de azeite de oliva
2 colheres (chá) de alho descascado amassado
2 colheres (sopa) de salsinha picada
1 colher (sopa) de alho desidratado
Sal a gosto

Preparo

Numa panela com água fervente, cozinhe o macarrão. Em outra panela, coloque o azeite de oliva e leve ao fogo por 1 minuto ou até aquecer. Junte o alho e frite-o, sem parar de mexer, por 1 minuto ou até dourar. Adicione o macarrão e a salsinha picada. Misture e cozinhe, sem parar de mexer, por mais 2 minutos. Retire do fogo. Misture o alho desidratado e sirva em seguida.

Fonte:

http://cantinhovegetariano.blogspot.com/2010/07/espaguete-ao-alho-e-oleo.html

e tem o twitter também:

@cantinhoveg

Segunda – Feira

Bom dia!!!

Hoje quero falar do Twitter. Tenho twitter há quase um ano, e só agora quando criei o @curiosidadesveg, é que me dei conta da variedade de twitteiros veganos, quase nenhum twitter #vegan é brasileiro, mas vale a pena dar uma olhada, pois em 140 caracteres tem muita informação soobre  saude, culinaria, emprego, indicações de site, textos, leis, meio ambiente, tudo que você possa imaginar sobre o #veganismo.

Ficou curioso para saber quais são esses twitter que mencionei acima?

Dá uma conferida no @curiosidadesveg, que você vai encontrar os twitters vegans.

Que tal mais tarde uma receitinha, para começarmos MUITO bem a nossa semana? Tem alguma sugestão? mande no e-mail: curiosidadesveg@bol.com.br

Até mais tarde!

Receita de Final de Semana

Final de semana lembra o que? Comida. E ainda mais com esse friozinho, que não da nem vontade de sair de casa, bom para fazermos receitinhas praticas e rapidas e claro, livre de crueldade.
No blog http://receitasvegans.blogspot.com/ encontrei um receita de salpicão, muito facil de fazer e fica muuuuuuuito gostosa, experimente você também:

Salpicão

– 1 xícara de proteína de soja fina
– 1 lata de milho
– 1/2 pimentão vermelho picado em cubinhos
– 1 pimentão verde picado em cubinhos
– 1/2 pimentão amarelo picado em cubinhos
– 3 cenouras raladas
– 150 gr de azeitonas picadas
– 250gr de champignon
– 1 xícara de tofu batido
– 2 xícaras de batata palha
– 2 colheres de sopa de óleo
– 1 cebola pequena ralada

Hidrate a soja e tire o excesso de água. Leve uma panela ao fogo com o óleo. Doure a cebola, acrescente a soja e refogue. Coloque um copo de água e temperos à gosto. Deixe cozinhar até secar, mexendo sempre pra não grudar. Deixe esfriar. Numa vasilha funda, misture a cenoura, o milho, o palmito, o pimentão, a soja e as azeitonas. Acrescente o tofu.
Misture a batata palha somente na hora de servir.

 
Receita retirada do blog:
 Creditos: